Pagando pelo serviços prestados: banqueiros e petrolíferas dão banquete para Moro em Nova Iorque

O juiz golpista, Sergio Moro, irá a Nova Iorque em jantar oferecido pela Câmara de Comércio Brasil e EUA onde será homenageado, já está sendo patrocinado por banqueiros e por petrolíferas norte-americanas, um claro sinal de retribuição dos serviços prestados pelo juiz servente do imperialismo e do capital estrangeiro. Conta com o patrocínio dos maiores sonegadores de impostos no país, e dos que contribuem para a entrega do patrimônio nacional.

Fica escancarado os feitos do ‘Mussolini de Maringá’, que já não mais tenta esconder seus conchavos com os grandes tubarões do capital estrangeiro, a operação farsa Lava Jato que deu grande margem para a destruição das grandes riquezas nacionais, um ataque direto à Pretrobrás que favoreceu enormemente a indústria petrolífera norte-americana Shell que lucrou bilhões. Logo o domínio dessa parcela das petroleiras norte-americanas tiveram grande participação no que diz respeito ao comércio entre Brasil e Estados Unidos.

E é evidente que em resposta aos grandes serviços fornecidos por Moro como forma de retribuição, nada como receber seu maior colaborador com um grande banquete de homenagem. Com o golpe de Estado, diversos setores privados foram favorecidos diante da política de ataques aos bancos públicos pelos golpistas, principalmente os banqueiros que agora estão patrocinando o juiz golpista como Bradesco, Itaú e Santander.

Esses setores ganharam força no país em cima do sucateamento dos bancos públicos, obtiveram lucro em meio a crise econômica, agora prestam seu fiel esclarecimento ao agente do imperialismo, Sergio Moro.

O patrocínio ao banquete para Moro não se limita somente aos bancos privados brasileiros mas também pelas refinarias norte-americanas. Este é o juiz que defende a moralidade e que diz lutar pelo fim da corrupção encabeçada pela operação farsa da Lava Jato, mas que não passa de um agente do imperialismo para promover um verdadeiro roubo às riquezas brasileiras. Isso sem falar na mamata que Moro e os demais juízes “paladinos” estão fazendo aos cofres públicos com o uso abusivo do auxílio moradia.

Fonte: Causa Operária

 

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *